quinta-feira, maio 08, 2014

LOUCOS PENSAMENTOS...


A  embriaguez lúcida do querer vem como taça de vinho a inspirar doces loucuras. No sabor ardente do seu corpo bebo mais um trago de pecado. O roçar de  sua pele nua,  o sentir do seu desejo despido de pudores é tão bom. O cheiro na nuca, o arrepio da pele a acordar velhos instintos... Tem sofreguidão  nos murmúrios e encanto no olhar. Ah, essa sua pele salgada, que tempera minha insensatez,   alucina. Quisera eu, ser a liberdade das suas  prisões, no encontro louco de nossos corpos nus. A delicadeza  dos meus beijos, a sutileza do seu acariciar tem cor e magia. Fogo  que incendeia  nossos corpos, como  labaredas dentro dos olhares,  de  nós dois. E cada vez  mais se acende a chama que nos chama. Numa constante mistura de  prazer sem fim. O gozo que se derrama, por entre as fantasias do encontro. Nossos lábios são ardentes procuras... Num completo frenesi de  loucos pensamentos. Ah, desejo louco... Sina de nós dois.





Socorro  Carvalho


Postagens em destaque

Maria Maria

Maria, Da lua Herdastes brilho e serenidade. Do sol Juntastes calor e esperança. Doce Maria! De encanto, de amor. Suave como a b...