terça-feira, agosto 26, 2014

SUA BOCA...

Na sua boca voraz
Derrama-se a fonte como seiva bruta.
Na carícia louca, sua língua despe meus poros.
O suor tempera o sabor do pecado.
Doido desejo se levanta...
Corpos se roçam, se acham se encaixam.
Na efervescente magia de dois corpos em chamas.
O êxtase explode...
Na loucura nua
Sua boca se degusta com mais um cálice de mel.

Socorro Carvalho

Postagens em destaque

Maria Maria

Maria, Da lua Herdastes brilho e serenidade. Do sol Juntastes calor e esperança. Doce Maria! De encanto, de amor. Suave como a b...