quarta-feira, setembro 10, 2014

ÊXTASE AO TAPAJÓS...

Na magia dos meus versos procuro descansar.
Há em ti, mistérios
Que me prendem os sentidos, as atenções...
Naufrago em tempestades constantes dentro do meu eu.
Porém, quando te vejo assim...
Exuberante, envolvente,
Lembro  mágicas noturnas
"Estrepolias" que me excitam
A cada vez que te vejo tênue
Em contato mágico com a lua.
Nostálgico, poderoso és insinuante.
Despertas meu ciúme, minha curiosidade...
De navegar no remanso de teus mistérios,
Mas não faço alarde, apenas te olho e contemplo.
Em silêncio me resguardo e me rendo...
Diante de tamanho encanto, oh majestoso Tapajós!!


Socorro Carvalho
A foto maravilhosa de Santarém tem o clique de Demerson Mendes

Postagens em destaque

Maria Maria

Maria, Da lua Herdastes brilho e serenidade. Do sol Juntastes calor e esperança. Doce Maria! De encanto, de amor. Suave como a b...