terça-feira, novembro 25, 2014

MARIA IMACULADA CONCEIÇÃO...



Santa Mulher!
Os homens a chamam de Mãe.
A Bíblia a anuncia como  Maria...
Maria das Graças, de Fátima, Das Dores, da Conceição...
É Aparecida, Saúde, Nazaré, Socorro e por ai vai.
 Sempre Maria!
 A Mãe de Jesus.
Em Santarém,
Maria é Conceição.
Padroeira e Virgem  Mãe.
Em dia de Círio,
Os devotos da Imaculada
Devotam fé e oração.
Ao longo da caminhada...
 Em cada canto está Maria!!
 Representada  grande ou pequena,
Em forma de imagem, pintura.
Ou mesmo no rosto inocente de uma criança.
É Maria!
Caminhando feliz a escutar os corações.
Uns que  falam, outros que choram.
Uns que rezam em voz alta 
Enquanto outros externam no silêncio sua admiração.

Santarém está em festa.
Tem Círio e   celebração na Matriz.
É Maria que passa, é Maria que para.
E de olhos bem atentos recebe cada homenagem.
Santarém está em festa.
É a festa da Padroeira.
É Maria singular dividida em Aves Marias.
Ave Maria que rezo para agradecer.
Agradecer esse tempo que ainda posso ver.
O povo nas ruas  caminhando em procissão.
Sob o registro das lentes e do coração.
O povo rende lindas  homenagens
À  Virgem Maria,  Imaculada Conceição...
Amém.


Socorro Carvalho
Fotos: Juliene Alessandra

INESQUECÍVEL MENINÃO DA VOVÓ...



Sua alegria me encantava me inspirava e me fazia feliz.
Bastava me ver e ia logo correndo me encontrar.
Seu cheiro, sua alegria era sempre a minha primeira saudação.
Como um menino sapeca, pulava, me sujava com suas patas.
E era tudo tão bom!!
Se você não fosse me encontrar,
Bastava um beijo e lá vinha você correndo a me pular.
Como se parecesse sorrir de alegria.
Seus grunhidos e latidos,
Sempre me diziam do seu amor e fidelidade com nossa amizade.
Era você o meu  bebê, “ neto” querido!
E junto de mim você era o rei.
Ciumento e pomposo.
Assim era você, meu lindo cachorro.
Lindo, exuberante, inteligente.
Peralta, mas que se rendia diante do meu carinho.
O jeito quieto esperando o meu beijo na testa.
Era demais. 
Ontem era segunda feira e meu retorno pra casa foi diferente.
No portão apenas o silêncio e o vazio de sua presença.
Olhei em todos os cantos, não lhe encontrei.
Por um momento lhe imaginei vindo em minha direção.
Porém, foi só uma vaga  imaginação.
E minhas lágrimas caíram imersas de saudade.
Meu peito sentindo sua falta.
Você se foi para a eternidade, na sexta feira.
Dia em que lhe peguei no colo com todo carinho.
Enquanto você se aninhava dengoso em meus braços.
Vi que estava triste, mas  jamais imaginava
Que nesta segunda-feira, não mais ia lhe encontrar  em minha volta pra casa.
Mas você  partiu, deixando  triste meu coração.
Ficaram as lembranças de você em meu colo, em meu coração.
Saudade  e lembrança do seu banho no quintal.
De você fazendo plantão embaixo da minha rede,
 A sombra do jambeiro nos finais de semana.
E nessa vigília você era incansável.
E ai de um estranho que da rede  se aproximasse.
Ah, Cacá! Bebê lindo da vovó!!
Você nem imagina o quanto lhe amava.
O quanto sua presença me fazia bem.
Deixava-me alegre e menos estressada.
Pois sua alegria e energia me contagiavam.
Não entendi...
Mas de súbito você se foi tão de repente.
Deixando um completo vazio em meu peito.
Hoje você já está no céu, junto de Nick e Dan.
Com certeza  numa algazarra total, bem típico de vocês.
Meu coração ainda está triste pela sua partida.
Mas saiba amigo querido
Você já está eternizado em meu coração.
E eu jamais esquecerei seu jeito moleque e brincalhão.

Socorro Carvalho

Postagens em destaque

Em entrevista, o Poeta e Compositor santareno Renisson Luis Vasconcelos fala de sua arte e do amor que tem por Nossa Senhora da Conceição

Estamos na semana que antecede o Círio 2017 de Nossa Senhora da Conceição, Padroeira de Santarém.  Uma semana intensa de preparativos ...